Saúde Esportiva - Saúde, Nutrição, Estética, Beleza

Não deixe a Menopausa te pegar

ENTENDA O SEU CORPO!

A pré-menopausa ou climatério é o período de transição que ocorre de 2 a 4 anos antes da última menstruação e caracteriza-se pela irregularidade nos ciclos menstruais, diminuição dos níveis dos hormônios sexuais estrógeno e progesterona e presença de alguns sintomas como suores noturnos, fogachos (ondas de calor), perda da lubrificação vaginal, depressão, irritabilidade, ansiedade e insônia. A presença destes sintomas varia de mulher para mulher e podem permanecer até um ano após a última menstruação.

A menopausa é o processo biológico natural em que a menstruação cessa por 12 meses seguidos sem ter sido identificada nenhuma outra causa biológica ou fisiológica pelo médico. A menopausa é uma fase na vida de toda mulher que se caracteriza pelo fim do período fértil, quando os ovários naturalmente param de funcionar e de produzir estrógeno e progesterona. Ela ocorre por volta dos 51 anos nas mulheres ocidentais, podendo variar de 40 a 60 anos, dependendo de fatores genéticos e do estilo de vida. Mulheres fumantes podem entrar na menopausa 2 anos antes do que as mulheres não fumantes.

O QUE OCORRE QUANDO OS HORMÔNIOS DIMINUEM?

A diminuição dos níveis de estrógeno afeta a pele e as curvas da mulher. Devido ao comprometimento na produção de colágeno ocorre perda de elasticidade da pele e dos vasos sanguíneos, assim como há a diminuição da massa muscular e o aumento da concentração de gordura corporal na região abdominal.

À medida que a produção do estrógeno cai, as taxas de colesterol e triglicérides no sangue tendem a aumentar, a absorção e a captação do cálcio pelos ossos fica prejudicada e assim surgem os riscos para o desenvolvimento das doenças cardiovasculares e da osteoporose. Segundo estatísticas, na pós-menopausa, as mulheres apresentam o mesmo risco que os homens para desenvolver as doenças do coração.

QUE CUIDADOS DEVEM SER TOMADOS?

* A Terapia de Reposição Hormonal (TRH), os riscos, as vantagens e as opções de tratamento devem ser discutidos, particularmente, por cada paciente e seu médico de confiança. O tratamento que se aplica a uma mulher pode não ser adequado à outra. Daí a importância de esclarecer todas as dúvidas com seu médico;

* Seja persistente e páre de fumar;

* 30 minutos diários de caminhada ou dança, auxiliam na manutenção do peso corporal ideal, reduz a pressão arterial, fortalece os ossos e previne a osteoporose e as doenças cardiovasculares;

* Reserve, todos os dias, momentos para relaxar e meditar;

* Realize exames médicos de rotina, controle a pressão arterial, a glicemia, os níveis de colesterol e de triglicérides;

* Cuide e planeje sua alimentação;

* Controle o consumo de alimentos gordurosos, sal e açúcar;

* Coma diariamente, no mínimo, 5 porções de hortaliças e frutas;

* Faça refeições onde apenas 1/3 é carne magra e 2/3 são cereais integrais (arroz integral, aveia, cevada, centeio, gérmen de trigo, pães integrais), hortaliças e grãos (lentilha, feijão, soja, ervilha);

* Inclua sementes de linhaça na sua alimentação diária. A linhaça contém lignanas, um tipo de fitoestrógeno utilizado como alternativa de TRH (Terapia de Reposição Hormonal);

* Aumente o consumo dos alimentos que são fontes de cálcio (leite e iogurte desnatados, queijos brancos e magros, soja e derivados). Tome de 3 a 4 copos de leite ou iogurte desnatados todos os dias;

* Não coma, na mesma refeição, alimentos que são fontes de cálcio (leite, queijos e iogutes) e alimentos fontes de ferro (carnes). O ferro prejudica a absorção do cálcio;

* Evite as bebidas alcoólicas;

* Tome, ao longo do dia, muita água e chás de folhas verdes (cidreira, melissa, hortelã, ban-chá, etc);

* Consuma soja e derivados. Dietas com baixos teores de gordura animal e colesterol que incluem 25 gramas de proteína de soja diários, podem diminuir os riscos das doenças do coração;

* Não tome nenhum medicamento ou suplemento nutricional por conta própria. Faça acompanhamento com um Médico e um Nutricionista.

As Isoflavonas da Soja resolvem?

As evidências científicas indicam que seu consumo parece diminuir as ondas de calor (fogachos) da menopausa e auxiliar na redução dos níveis de colesterol, porém seu uso deve ser orientado e acompanhado por profissional da saúde habilitado (médico e nutricionista).

Produtos à base de isoflavonas isoladas são considerados medicamentos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), tendo obrigatoriedade de registro neste órgão, por isso não devem ser consumidos de forma indiscriminada, mas somente com prescrição e acompanhamento médico.

"As informações fornecidas não são individualizadas. Portanto, o nutricionista deve ser consultado antes de se iniciar um tratamento e/ou acompanhamento nutricional."

Referências bibliográficas
1. NATIONAL INSTITUTE ON AGING. Disponível em http://www.nia.nih.gov/health/agepages/menopause.htm. Acessado em 11/07/2003.
2. THE NATIONAL WOMEN`S HEALTH INFORMATION CENTER. Disponível em
http://www.4woman.gov/faq/menopaus.htm. Acesado em 11/07/2003.
3. HEALTH AND MEDICAL INFORMATION ON MEDICINE. Disponível em http://www.medicinenet.com/Menopause/page1.htm. Acessado em 11/07/2003.
4. WOMEN HEALTH CENTER - MAYO CLINIC. Disponível em http://www.mayoclinic.com. Acessado em 12/07/2003.
5. THE AMERICAN COLLEGE OF OBSTETRICIANS AND GYNECOLOGISTS. Disponível em http://www.acog.org/from_home/publications/press_releases/nr05-31-03-6.cfm. Acessado em 12/072003.
6. AMERICAN DIETETIC ASSOTIATION. Dosponível em http://webdietitians.org/Public/index.cfm. Acessado em 12/07/2003.
7. Francene M Steinberg, Nicole L Guthrie, Amparo C Villablanca, Kavita Kumar and Michael J Murray - Soy protein with isoflavones has favorable effects on endothelial function that are independent of lipid and antioxidant effects in healthy postmenopausal women. American Journal of Clinical Nutrition, Vol. 78, No. 1, 123-130, July 2003.
8. ESTUDO DA SOJA - FUNDACAO MEDICO-CULTURAL DE GASTROENTEROLOGIA E NUTRICAO DE SÃO PAULO. Disponível em http://www.estudosojamenopausa.com.br. Acessado em 12/07/2003.
9. SCIENTIFIC NEWS – THE NORTH AMERICAN MENOPAUSE SOCIETY (NAMS)
http://www.menopause.org/news.html#May3. Acesssado em 12/07/2003.
10. GINECO.COM.BR – Atenção a Saúde da Mulher. Disponível em http://www.gineco.com.br. Acessado em 13/07/2003.
11. U.S. DEPARTMENT OF HEALTH AND HUMAN SERVICES - FDA (FOOD AND DRUG ADMINSTRATION). Disponível em http://www.fda.gov/bbs/topics/ANSWERS/ANS00980.html. Acessado em 13/07/2003.
12. AGENCIA NACIONAL DE VIGILANCIA SANITARIA - Informe do Workshop sobre Isoflavonas, 29 de Agosto de 2002. Disponível em http://www.anvisa.gov.br/faq/al_isoflavonas.htm. Acessado em 13/07/2003.

Texto de Marília Fernandes


Leitura adicional:
Mulher na Menopausa: isoflavonas e nutrição
O que é menopausa
Terapia de reposição hormonal na menopausa
Viagra facilita prazer sexual de mulheres na menopausa
Reposição hormonal, qualidade de vida e memória
The National Women's Health Information Center
American College of Obstetricians and Gynecologists
Menopause, NAMS
Estudos Científicos com soja
Gineco
FDA
Anvisa



Mulher

Item Câncer de mama - Tratamento

Item Câncer de mama - Testes e diagnóstico

Item Câncer de mama - O que é

Item Herpes genital e gravidez

Item Toxoplasmose e gravidez

Item Infecções urinárias recorrentes em mulheres e infecção urinária na gravidez

Item Cirurgia de mama

Item Importância do azeite para gestantes

Item Cálcio para quem toma Pílula Anticoncepcional

Item TPM e Nutrição Clínica Funcional

Item Anorexia - Mulheres são 9 vezes mais atingidas

Item HPV e risco de câncer de colo de útero

Item Gravidez tardia

Item Depressão - Mulheres são mais suscetíveis

Item Terapia hormonal e câncer de mama

Item Sutiã apertado e problemas para a saúde

Item Yoga na Gravidez

Item Menopausa

Item Pisando bem de Salto Alto

Item Menopausa e reposição hormonal

Item Saúde da Mulher de todas as idades

Item Coração de Mulher


Saúde Esportiva - © 2007-2015 Helio Fontes - Política de privacidade
Email para contato